Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
Admin
Mensagens : 50
Data de inscrição : 23/11/2014
Ver perfil do usuáriohttp://petlove.forumeiros.com

DICAS PARA FAZER SEU GATO MAIS FELIZ

em Qua 1 Ago 2018 - 21:17






Quase todo mundo cresceu ouvindo que os gatos vivem bem sozinhos, que não gostam dos donos mas sim da casa e que você não precisa se esforçar para agradá-los, afinal, ficam bem sozinhos.

Seguindo essa lógica, fica claro que eu pra meu gato ser feliz basta que eu dê água, comida e abrigo, será mesmo verdade?

Já respondo logo de cara, NÃO!!! Os gatos assim como os cachorros e até mesmo os humanos, também precisam de atenção e carinho.
Hoje vamos dar uma ajudinha com algumas dicas de como deixar seu gatinho cada vez mais feliz.

Bem antes de a gente começar com as dicas é importante que você tenha em mente o seguinte, gatos normalmente tem personalidade bem forte, portanto essas dicas de hoje são de como deixá-los mais feliz, em caso de você estar precisando de dicas de como socializar seu gato, recomendo que leia este post aqui.

1- Ração em sachê ou comida úmida





Aqui no Brasil é muito comum a gente oferecer sempre a comida seca (que é a ração em grãos tradicional) aos gatos, mas eles amam mesmo são as comidinhas em sachês! Converse com seu médico veterinário de confiança qual a melhor comida úmida que você pode oferecer ao seu peludinho.

Existem umas que contém muito sódio e isso faz muito mal aos rins dos nossos pequenos, existem as menos e mais calóricas.
Se você tem o hábito da ração seca, não ofereça essa todos os dias não, ofereça em dias especiais, para não virar rotina e deixar de ser novidade, e tem ainda a questão do seu gatinho não querer comer mais a ração seca.
Esse petisco com certeza vai deixar seu gatinho mega, ultra feliz!


2- Caixa de papelão X Gato



Feche os olhos e pense em uma coisa que te deixa radiante! Pra você pode ser um chocolate, uma roupa nova, um livro mas para seu gatinho não existe nada melhor que a boa e velha caixa de papelão!

Eles veem a caixa como um abrigo, um lugar de esconderijo, um lugar onde podem observar sua presa (que é você) para dar o bote na hora certa! Uma caixa, não é uma caixa, é uma fortaleza!

A caixa também tem a função de arranhador.
Devido as camadas de papelão, eles gostam de afiar as unhas ali.
Gostam também de ficar mordendo os pedacinhos.
É como se tivesse caçado uma presa na natureza e agora é o momento de destrinchar a vítima.
É bem isso, não esqueça que o papo de hoje é sobre gatos, eles são domésticos mas têm muito de selvagem ainda.

A caixa também não é só caça, é um lugar ótimo para passar o tempo, um lugar de diversão, de relaxamento da nada mole vida deles.

E não custa nada vai… Eles não ligam se as caixas são grandes como as que vêm as panelas elétricas ou pequenas como as que vem com sapatos.
Caixa é vida! hahaha…

3- Brinquedos


Brinquedos não são apenas brinquedos quando o assunto é gato.
Brinquedo é uma caça, uma presa.
Quase todo mundo passa o dia fora e o pequeno fica horas em casa sozinho.
Ele precisa interagir de alguma forma para evitar o tédio.
Tudo bem que vão dormir boa parte do tempo, mas quando acordam precisam de algo para fazer, até porque se não tiver um brinquedinho eles vão se divertir com seus móveis.

Eles vão afiar as unhas no sofá, escalar a cortina, subir na geladeira e derrubar tudo o que estiver no caminho impedindo a subida, isso se ele for filho único porque se tiver mais irmãos vai ser uma verdadeira festa!

Quando você tem muitos brinquedinhos a disposição, muda o foco da brincadeira. Espalhe pela casa ratinhos, bolinhas de papel, peteca, prenda fitas coloridas na rede de proteção.

Nós já fizemos dois posts que você pode conferir aqui e aqui ensinando como fazer brinquedinhos caseiros que os seus gatinhos vão amar!

Sobre os arranhadores, é muito importante a localização deles.
Você não deve colocar em qualquer lugar, eles precisam ficar em pontos estratégicos se o motivo de tê-los é para proteção da mobília.
Logo, se seu pequeno arranha muito o sofá, ele precisa ficar próximo ao sofá.
Se o foco do seu gato for a cama, ponha-o próximo a cama.

No começo seu gatinho pode não entender o motivo do novo brinquedo e pode até rejeitar.
Para evitar que isso aconteça, nos primeiros dias estimule a brincadeira com o arranhador e se necessário jogue um pouquinho de catnip.

A Catnip é uma  erva conhecida como erva do gato, isso porque ela estimula os instintos de predador do gato.
É muito comum ratinhos e bolinhas já virem com catnip dentro, por isso as vezes o seu peludinho se apaixona por um brinquedo logo de cara.
A catnip não tem efeitos colaterais e não causa dependência química nem física.
No caso de você precisar comprar para estimular a brincadeira, procure na embalagem a procedência da erva e se ela foi plantada sem agrotóxico.

4- Uma cama para chamar de minha





Os gatos amam dormir emboladinhos, na maioria das vezes gostam mesmo de dormir com a gente pois se sentem seguros.
Mas tem muito gatinho sapeca por aí que não abre mão de uma caminha pra chamar de sua.
Tem o cochilinho da manhã, o cochilo da tarde, o de um pouco antes da noite e a soneca da noite, ufa! É que brincar dá muito sono! provavelmente ele não irá dormir sempre no mesmo lugar,  por isso é importante que ele tenha uma caminha em um lugar quietinho e aconchegante.

Eu já vi umas pessoas colocando a caminha ao lado da lixeira, agora pensa comigo, você conseguiria dormir ao lado da lixeira? Por isso a pessoa achava que o gato não gostava da cama, veja só!


5- Caixa de areia sempre limpa





Ninguém gosta de ir a um banheiro sujo não é verdade? 
Os gatinhos pensam da mesma forma e alguns simplesmente não conseguem urinar se a areia estiver suja.
Isso é gravíssimo pois pode causar várias doenças renais.

Limpe sempre que possível a caixinha do seu pequeno.
Lave a bandeja toda semana e dependendo da areia que utilizar troque toda semana.

O tipo de caixa também é importante, quando o gatinho for bem pequeno certifique-se de ele consegue entrar na caixa.
Algumas são bem altas e ele não conseguirá subir.
Tem os gatos que são bem grandes, então tenha certeza que a caixa esta adequada ao seu tamanho também.
Aqui tem várias dicas de modelos de caixas que existem no mercado, tem alguns modelos discretos, outros combinam até com a decoração.

Não menos importante que a caixa é o tipo de areia que vai utilizar.
Fizemos um post bem completo falando sobre isso e você pode conferir aqui.
Falamos os tipos de areia: sílica de bolinhas ou microcristais, granulado de argila, madeira, pedrinhas, fizemos também um tira-dúvidas sobre misturar sal grosso na areia, enfim, vale a pena a leitura ou releitura.

Não esqueça da quantidade de caixas a disposição do seu pequeno.
Alguns veterinários recomendam duas caixas para cada gato, outros sempre uma caixa a mais em relação ao número de gatos presente na casa.

6- Carinho sim!





Os que não convivem ou nunca tiveram contato com gatos, dirão que eles não gostam das pessoas, apenas da casa.
Uma mentira lavada pra quem convive com esses pequenos!

Gatos gostam tanto de carinho como qualquer animal! Alguns vão recebê-los na porta, outros não, mas isso não significa que ele te ama menos.
Já ouviu um gato ronronando no seu colo? Isso é o ápice da expressão amor na língua deles! Ah sim, considere uma lambida como beijinho também!

Sabe quando você está andando e ele se esfrega em você? 
Isso também é carinho.
Então, encha seu pequeno de mimos, beijos e afagos porque eles amam muito!!!

Tenha apenas cuidado com as partes que seu pequeno não gosta de ser tocado.
Respeito é tudo! A grande maioria não gosta de carinho na barriga, alguns estudos dizem que eles sentem cócegas e dá um “nervosinho”, então, respeite isso.

7- Castração





Sim, a castração também é uma forma de deixar seu gatinho mais feliz! Isso porque evita um monte de doenças como câncer conforme falamos aqui e tem muitos outros benefícios, confira?

Evita filhotes indesejados e com isso reduz o número de animais vivendo nas ruas;
Diminui as fugas e com isso o risco de serem atropelados, envenenados, ou simplesmente machucados por pessoas sem coração que o fazem por diversão;
Evita a agressividade motivada por excitação sexual.
Nessa fase eles sofrem um estresse completamente desnecessário.

Vai ver como é simples e rápido e a recuperação super tranquila.
Nos machos ainda é mais simples pois não é necessário abrir a barriga.

8- Janelas teladas





Para um gatinho ser feliz e ter muitos e muitos anos de vida precisa viver em um ambiente seguro e sem acesso a rua com as janelas teladas.

Como falamos ainda pouco, o acesso a rua é muito perigoso.
Eles  ficam a mercê de todas as coisas ruins que o mundo tem a oferecer.
Isso sem levar em conta as brigas por territórios, já viram como sempre saem bastante machucados?

Tem a questão dos atropelamentos, envenenamentos, maus tratos que sofrem de algumas pessoas, podem se contaminar com esporotricose conforme falamos aqui, rinotraqueite, Fiv, Felv (Aids felina e Leucemia respectivamente), enfim, rua não é lugar pra um gatinho.

Se você quiser saber mais sobre como telar sua casa, fizemos um post muito legal que você pode conferir aqui.

9- Petiscos





Sim, petisco! Quem disse que os gatos não gostam de um petisco de atum? Toda vez que ele fizer algo que você gosta, dê a ele um petisco bem gostoso.
Pode ser uma fruta ou os industrializados facilmente encontrados nas pet shops.

Se você optar por petiscos naturais, você pode oferecer banana, folhinhas de rúcula (bem pouquinho pois a rúcula é ácida e pode agredir o estômago do seu gatinho), maçã sem a semente, pera sem a semente, manga sem o caroço, mamão sem as sementes e casca, melancia sem casca ou semente.

10- Fique para sempre ao lado do seu gatinho





Todo mundo acha um gatinho bebê a coisa mais fofa desse mundo, eles são brincalhões, se distraem com nosso pé, dão bote na coberta, pulam e correm engraçado mas aí vão crescendo, deixam de fazer algumas artes e envelhecem e não fazem muita coisa.
É nessa hora que você precisa doar todo seu apoio à ele, pois assim como nós, quando envelhecem também podem sentir dores nas articulações, podem ir perdendo a visão, audição, os dentes, podem sentir mais frio e se sentir mais carente.

Demonstre amor e afeto ao seu gatinho desde do dia da adoção até seu último suspiro.
Seja um humano de verdade.
Não abandone seu gatinho quando ele ficar velhinho e totalmente dependente de você.

Não esqueça que  esse é o trajeto mais natural para todo e qualquer ser vivo.
Nascer, crescer, multiplicar e morrer.
É assim em todas as áreas! Você também vai envelhecer e tenho certeza que não gostaria de ser esquecido por aquele que mais ama hoje.
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum